Brasão da Paróquia
Valei-me, São José!
Segunda, 16 Setembro 2013 00:00

História

† "A NOSSA PROTEÇÃO ESTÁ NO NOME DO SENHOR, QUE FEZ O CÉU E A TERRA!"

 

Três anos antes de a nova capital do país ser inaugurada, uma pequena casa de madeira reunia as orações dos homens e das mulheres que vieram concretizar o sonho de Juscelino Kubitschek. De diferentes cantos do Brasil, migraram em busca de trabalho e encontraram, em um altar singelo da Candangolândia, um lugar para depositar expectativas, crenças e pedidos. Em 1957, foi realizada a primeira Missa de Brasília dentro de um local fechado, a igreja São José Operário. O nome homenageia o santo, mas também os pioneiros que construíram a cidade planejada.¹

 Primeira igrejinha de madeira construída em 1957.

 

No dia 26 de fevereiro de 1989, o Eminentíssimo Sr. Cardeal-Arcebispo de Brasília, D. José Freire Falcão, cria a Paróquia de São José Operário, desmembrando-a da Paróquia de S. João Bôsco do Núcleo Bandeirante. No mesmo dia o Sr. Cardeal entregou a Administração da nova Paróquia ao zelo Pastoral das Irmãs de Nossa Senhora e nomeou como Pároco Moderador, o Pe. Fernando Anuth, Salesiano.

Irmãs da Congregação de Notre Dame de Namur

(também chamadas irmãs Nossa Senhora). 

Naqueles tempos, ainda celebrava-se na antiga Igrejinha de madeira, hoje, tombada como patrimônio histórico e cultural, quando em 1993 foi ordenado o seu fechamento pela Defesa Civil, devido ao desgaste que a madeira sofreu com o tempo, prejudicando a sua estrutura e oferecendo riscos aos fiéis. 

Igrejinha interditada devido à sua frágil estrutura.

 

Numa celebração emocionada, a comunidade retirou os objetos litúrgicos e passou a celebrar na parte inferior do Centro Social Santa Julia Billiart (onde hoje funciona a casa paroquial).

Transferência dos objetos da igrejinha.

 

Em 19 de fevereiro de 1997, o Pe. José Avelarque de Góis assume a função de Pároco Moderador, partilhando com a Ir. Imelda e demais irmãs a responsabilidade relativa às atividades pastorais. Pe. Avelarque foi pároco da paróquia durante 13 anos, quando então foi transferido pelo Arcebispo de Brasília, na época D. João Braz de Aviz (hoje cardeal) no ano de 2010.  

Celebração de posse do Pe. Avelarque, no ano de 1997.

 

Pastoral da Liturgia de 1994.

 

No dia 02 de maio de 2001, contando com apenas R$ 15.000,00 (quinze mil reais) em caixa, iniciou-se a construção da Igreja Matriz de São José Operário.

Igreja matriz de São José Operário em construção.

 

Igreja Matriz de São José Operário localizada na Qr. 1.

No dia 19 de março de 2011 assume, como segundo pároco, Pe. José Luiz Fontenele Portela, que exerce a mesma função nos dias atuais. O seu trabalho pastoral tem incentivado o seu rebanho à "lançar as redes" para águas cada vez mais profundas e isso tem ajudado a comunidade a se tornar uma igreja mais viva na fé e na caridade. Ao nosso querido pároco, as nossas orações! 

Celebração de posse do Pe. Fontenele, no dia 19/03/11,

presidida por D. José Cardeal Freire Falcão

 

 (Arcebispo Emérito de Brasília)

No dia 1º de maio de 2014, dia de nosso querido padroeiro, ganhamos de presente a "igrejinha de madeira" totalmente restaurada, que foi reinaugurada na presença do então governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz e sua esposa, a primeira dama, Ilza Queiroz, de quem o nosso pároco havia feito, pessoalmente, o pedido: "Eu cheguei em 2011 nessa paróquia e tive oportunidade de em um encontro com ela para solicitar a obra, e ela muito generosa atendeu a nossa solicitação. A entrega desse local, significa um resgate da nossa fé e da nossa cultura como povo religioso", declarou.² Hoje nossa tão querida igrejinha, nossa segunda casa nessas terras candangas, é uma capela e sinal vivo de nossa história.

Igrejinha de madeira restaurada e reinaugurada no dia 01/05/14

A Paróquia São José Operário conta ainda com 24 Pastorais e movimentos (Acolhida, Acólitos, Apostolado da Divina Misericórdia, Apostolado da Oração, Batismo, Catequese, COMIPA, Criança, Dízimo, ECC, EESA, Esperança, Familiar, Grupo de Oração, Legião de Maria, Liturgia, MESCE, Pascom, Saúde, Sobriedade, Social, Vicentinos, Vocacional, Terço dos Homens e Segue-me) e grande participação de fiéis nas Santas Missas dos finais de semana. 

Venha fazer parte de nossa família você também!

 

 


 

Referências:

1. Correio Braziliense: Após 18 anos, Igreja na Candangolândia reabre as portas aos fiéis, 2014.

2. Arquivo Público do Distrito Federal: Igreja São José Operário na Candangolândia é reinaugurada, 2014.

Comente

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.